E agora, José?

Publicado: 28 de dezembro de 2010 por Leandro Possadagua em Uncategorized

Carlos Drummond de Andrade

Eis o brilhante texto “E agora, José?” do grande escritor e poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade. Escrito durante a Segunda Guerra Mundial, o texto nos mostra que apesar da dureza da vida, o caminho é continuar seguindo… Em frente! Talvez, o mais interessante e belo deste poema, seja o fato de ser narrado pelo próprio Carlos Drummond de Andrade! Brilhante… Como Drummond!

Confiram o vídeo na “Sessão Webdocumentários”!

Anúncios
comentários
  1. Raquel Medeiros disse:

    Uso muito a expressão “E agora, José?” E, analisando mais profundamente, sabemos que a intenção de Drummond nesse poema era essa: fazer com que o leitor se sentisse o próprio José. Isso passa a ser mais evidente no verso ” E agora, você?”. José e você confundem-se. E eu me confundo…quem não se confunde? Somos Josés! Estamos em conflito, cheios de questionamentos amarrados, sem respostas plausíveis, sem soluções aparentes. Mas, ao final, quando as perguntas parecem não ter essas respostas, eis que surge o verso “você marcha, José!”. E, apesar das confusões da vida, dos aparentes fracassos, das flechadas ao coração, usamos o que nos resta de força ( que é tanta, meu Deus, que é tanta) e marchamos…Vem comigo, meu amigo, marchar junto é mais firme, é mais certo!!! Vem, que todo José sofre, todo José sente dor, mas há uma marcha certa. E juntos, não somos mais apenas um simples José. Somos dois!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s